Início Notícias Servidores pelo Brasil: Crise afeta pagamento a servidores paulistas

Servidores pelo Brasil: Crise afeta pagamento a servidores paulistas

7

A crise orçamentária também afeta cidades paulistas que atrasam salários do funcionalismo. Os prefeitos de quase todos os municípios atribuem os problemas à diminuição dos repasses do Fundo de Participação dos Municípios e do ICMS.

A cidade de Americana, na região de Campinas, decretou calamidade financeira e pode tomar a mesma medida na área da saúde. O prefeito Omar Najar disse que é obrigado a atrasar salários e só consegue melhorar a situação da folha quando os tributos municipais entram na conta.

O panorama é sombrio para os executivos de todas as cidades do país que vão começar mandatos no ano que vem ou que tenham sido reeleitos.
O presidente da Frente Nacional dos Prefeitos e prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda, descreveu o problema. “O grande desafio é compatibilizar a queda de Orçamento com as demandas crescentes da população por mais e melhores serviços. Os prefeitos terão que se adequar a essa realidade cortando o máximo de recursos que puderem e racionalizando a gestão. Ao mesmo tempo não é possível pedir mais recursos do Governo federal”, disse.

Outros municípios paulistas como Sorocaba, Vinhedo, Marília e Limeira apertaram ainda mais os cintos para não comprometer o orçamento.

Demissão de comissionados, corte de horas extras de concursados e repasse da gestão de departamentos à iniciativa privada estão entre as medidas tomadas.

Fonte: Uol

Artigo anteriorHTPC: Vitória do Sindicato garante direito dos professores
Próximo artigoSindicato responde: Como justificar uma falta ao serviço?