Início Notícias Após questionamentos do Sindicato, audiência pública que iria debater Plano de Carreira...

Após questionamentos do Sindicato, audiência pública que iria debater Plano de Carreira é adiada

7

O Sindicato do Servidor Público Municipal de Taubaté recebeu a informação oficial do adiamento da audiência pública que iria debater o projeto do Plano de Carreira hoje (9) pela manhã.

De acordo com nota oficial divulgada pela Câmara de Taubaté, o Poder Legislativo decidiu adiar a audiência pública após solicitação do prefeito Ortiz Junior. Ainda segundo a Casa de Leis, a Prefeitura pediu o adiamento considerando as indagações feitas pelo Sindicato.

O documento foi encaminhado pelo Sindicato à Prefeitura, após colher as diversas dúvidas e questionamentos dos servidores. Mais informações podem ser obtidas em nosso site pelo link http://www.servidorestaubate.com.br/plano-de-carreira-sindicato-oficializa-questionamentos/ . Os servidores podem, ainda, acessar o documento do Sindicato com os questionamentos.

A presidente do Sindicato, Mara Marques, ressalta que o Sindicato mostrou a força de representação dos servidores municipais. “Se o prefeito pediu o adiamento, isso significa que nossos questionamentos foram relevantes. Acreditamos que agora exista a possibilidade de mudança neste projeto.”

Para a entidade, esta é a oportunidade do Executivo rever o projeto que foi apresentado, principalmente relacionado aos apontamentos feitos pelo Sindicato. “Nós colhemos junto aos servidores o descontentamento com relação ao projeto do Plano de Carreira. Eu disse e repito: o Sindicato está ao lado do servidor para garantir a defesa dos nossos direitos”, afirmou Mara Marques.

A nova data ainda não foi divulgada e o Sindicato se mantém à disposição dos servidores para colher as dúvidas e reivindicações.

Mais informações podem ser obtidas na sede da entidade, localizada na Rua França, 251, Jardim das Nações; pelo telefone 3622-1829 / 3633-1795; whatsapp 7812-4448; ou pelo e-mail sindicato@servidorestaubate.com.br. Atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h.

Artigo anteriorPlano de Carreira: Sindicato oficializa questionamentos
Próximo artigoReajuste 2018: Sindicato cobra posicionamento da Prefeitura